O que mais chama atenção na Torre da TV de Praga são os bebês que engatinham presos à estrutura. A Torre de Televisão Žižkov (ou o impronunciável Žižkovský vysílač em tcheco) fica um pouco afastada do centro histórico da cidade, local badalado pelos turistas. Apesar disso, é muito fácil chegar lá – e não é nem um pouco longe. Do Centro (estações de Můstek ou Muzeum) basta tomar a linha A e descer na estação Jiřího z Poděbrad (nome complicado, né?). Dali, caminha-se menos de 5 minutinhos e já está.

A Torre da TV  localiza-se a 93 metros do solo e é o único ponto da capital da República que oferece uma vista de 360° da cidade. É também o único monumento que pode ser avistado que qualquer ponto da cidade.O chamado “Observatório”, de onde os turistas podem ver Praga de cima divide-se em uma espécie de três cabines (ou ambientes) conectadas por uma mesma sala, onde chega o elevador que leva até o topo em 38 segundos.

De qualquer um dos lados que se olhe, pelos janelões de vidro localizados em três diferentes salas, vê-se a paisagem deslumbrante de Praga

A estrutura foi erguida entre 1985 e 1992, quando a Eslováquia ainda era parte da República Tcheca (a falecida Tchecoslováquia, que desmantelou-se em 1994). Os três tubos posicionados em forma de triângulo que sustentam o observatório são de aço. Como muitos outros exemplos de construções com estilo arquitetônico da Era Comunista, os tchecos sempre olharam para a torre ressabiados. “Serviria a estrutura para espionagem?”, muitos questionavam-se, e havia fortes rumores da época que diziam que sim. Segundo eles, a torre foi planejada para ser usada para espionar transmissões ocidentais (lembre-se que a Europa estava dividida até 1989, em comunistas e capitalistas, Oriente e Ocidente).

O que sabe-se hoje é que o boato não tornou-se fato. Se essa era a intenção dos soviéticos, não deu tempo de colocar o plano em prática já que a construção da estrutura terminou pouquíssimo tempo depois de a União Soviética ser dissolvida (lembrando que a Tchecoslováquia fazia parte do bloco). Hoje, no entanto, a torre já não é alvo de boataria e atrai visitantes de todo o mundo com foco em inovações tecnológicas e a excelente vista sobre o horizonte da cidade.

Enquanto alguns bebês sobem, outros descem. Apesar de saber que se tratam de esculturas, a cena é um pouco agoniante para quem olha de baixo

No ano 2000, esculturas do artista tcheco David Černý foram acrescentadas temporariamente aos pilares de aço. Tratavam-se de bebês engatinhando para cima e para baixo. As esculturas fizeram tanto sucesso e geraram saudades quando foram retiradas, que, em 2001, foram devolvidas como instalação permanente.

A visita custa 230 CZK para adultos e 160 CZK para estudantes (mas eles não consideram estudantes com mais de 26 anos). A bilheteria aceita apenas coroas tchecas, apesar de a tabela de preços estar também exposta em euros (9 EUR para adultos e 6 EUR para estudantes).

SERVIÇO:

O quê? Torre da TV de Praga

Onde? Praga, capital da República Tcheca

Quanto? 9 EUR para adultos e 6 EUR para estudantes

Quando? Abre diariamente, mas é importante verificar o site antes de planejar a visita, pois, às vezes, o observatório fecha para eventos privados, e a visitação pública fica restrita

Share: