Entre as possibilidades de passeio em Tromso, Noruega, está a observação de baleias orcas em seu habitat natural. Depois de viajar 1.700 quilômetros de Oslo até Tromso para ver a Aurora Boreal, custa nada gastar mais uns dinheiros para ver Free Willy de perto. Tive sorte e não vi apenas uma, mas uma família de orcas. E o barco nem precisou ir muito longe ou ingressar em alto-mar.

O passeio começa no Centro de Tromso por volta das 8h, de onde um ônibus recolhe os aventureiros. De lá, segue-se até um píer mais ao Norte, onde há opção de vestir um overall – melhor traje que inventaram no mundo! Tudo incluso no pacote. O barco da expedição era uma escuna elétrica, ou seja, nada de barulho. Assim, as orcas não se assustam quando um “estranho” ingressa na “residência” delas e o passeio fica mais agradável.

A escuna elétrica Ópal, meio de transporte da aventura. O motor não faz barulho algum, como se estivesse sempre desligado (#sqn)

Eu já disse que o overall é o melhor traje que inventaram no planeta Terra? Aliás, não sei como as pessoas sobreviviam no frio antes dele

Essa é a “base” onde começa e termina a expedição. É um gelo ficar ali dentro. Não há calefação, e o piso está sempre molhado

Do topo de um dos bancos do convés, a guia narrava em inglês para qual direção era preciso olhar para avistar as baleias. E vimos várias, em diferentes momentos. Elas não saltam como no filme do Free Willy, mas mostram a cauda quando visitam a superfície para respirar. Quem for rápido, consegue fotografar. Eu não tive sorte – e também não aguentei tirar as luvas por mais de 5 minutos esperando que uma delas se exibisse para minha câmera.

O passeio dura cerca de três horas e vale também a pena fazer apenas pela paisagem. Geleiras, montanhas com neve e um mar gelado. Venta bastante e sente-se o gelo no ar. Mais do que soltar fumacinha pela boca: É como se a tal “fumacinha” congela-se antes mesmo de chegar na garganta. Se por acaso alguém caísse na água, demoraria menos de 2 minutos para morrer de hipotermia. Ainda bem, segundo os guias, nunca ocorreram acidentes.

É frio, é gelado, se cair na água há risco de morte. Mas tudo é relevado quando se olha em volta e se percebe a beleza do lugar

A luz opaca da Noruega ajuda a deixar a paisagem ainda mais branca. Já que o motor do barco não faz barulho, a sensação é de paz

Para quem é mais corajoso e quer economizar um pouco, há a opção de observar orcas a bordo de um bote com motor. O problema é que no bote não há banheiros (na escuna tem, mas dá um trabalho enorme tirar o overall). Além disso, é servida uma sopa como almoço na escuna, além de haver bolachinhas, café e chá sempre à disposição. Outra vantagem da escuna é que, se a pessoa não aguentar a friaca na parte externa, pode sempre entrar para se aquecer. Tudo isso por 1300 NOK, para adultos. Crianças de 6 a 12 anos pagam meia, e menos de 6 não pagam.

Logo ali a frente é saída para mar aberto. Nosso barco não precisou ir tão longe no dia do passeio, pois as orcas vieram ao nosso encontro 🙂

O tour é oferecido de Novembro a Fevereiro, já que essa é a época em que as orcas habitam os arredores de Tromso. O tempo total da atividade é de cerca de 5 horas, e a pior parte da expedição é esperar pelo ônibus no retorno após desvestir o overall. Esse passeio é oferecido pela North Sailing há décadas na Islândia, mas 2017 foi o ano de estreia da empresa na Noruega.

EU QUENTINHA DE OVERALL 🙂 JÁ MENCIONEI QUE É A MELHOR INVENÇÃO DE TODOS OS TEMPOS? (Outra vantagem é que, se cair na água, o traje bóia)

SERVIÇO:

O quê? Observação de baleias

Onde? Tromso, Noruega, a 1.700 quilômetros ao Norte de Oslo

Quanto? 1300 NOK para adultos (cerca de 140 euros)

Quando? De Novembro a Fevereiro, época em que as orcas estão nos arredores

Share: